Domotica

 

Maior comodidade, mais segurança, maior eficiência energética: existe uma procura crescente e continuada de sistemas de gestão de edifícios (Domótica).

Seja numa residência familiar ou num complexo de escritórios, existe uma procura crescente de conforto e versatilidade na gestão de sistemas de ar-condicionado, iluminação e controlo de acessos. Simultaneamente, a utilização eficiente da energia está a tornar-se cada vez mais importante. Maior comodidade e segurança, associadas a um menor consumo de energia apenas podem ser alcançadas através de um controlo e uma monitorização inteligentes de todos os produtos envolvidos. No entanto, isto implica a presença de mais cabos, a ligar os sensores e atuadores até aos centros de controlo e monitorização. Este aumento do número de cabos implica um maior esforço em termos de conceção e instalação, um risco acrescido de incêndio e a subida dos custos.

A resposta: KNX – a NORMA Internacional para o Controlo de Residências e Edifícios

Para transferir todos os dados de controlo para todos os componentes de gestão de edifícios, é necessário um sistema que elimine os problemas dos dispositivos isolados, garantindo que todos os componentes comuniquem através de uma linguagem comum: em suma, um sistema como o Bus KNX independente dos domínios do fabricante e da aplicação. Esta norma tem por base mais de 24 anos de experiência no mercado, entre outros sistemas que precederam o KNX: EIB, EHS e BatiBUS. Através do meio KNX ao qual todos os dispositivos bus estão ligados (par trançado, radiofrequência, linha de alimentação de energia ou IP/Ethernet), é possível a capacidade de troca de informações. Os dispositivos Bus podem ser sensores ou atuadores necessários para o controlo do equipamento de gestão de edifícios, como: iluminação, persianas / estores, sistemas de segurança, gestão da energia, aquecimento, sistemas de ventilação e ar-condicionado, sistemas de sinalização e monitorização, interfaces com os sistemas de controlo de serviços e edifícios, controlo remoto, medição, controlo de áudio / vídeo, marcas brancas, etc. Todas estas funções podem ser controladas, monitorizadas e sinalizadas através de um sistema uniforme, sem necessidade de centros de controlo extra.